Sea of Stars

Gênero

Ação, Plataforma, Puzzle

Plataformas

PC

Desenvolvedora

MadLight

Publisher

Leonardo Interactive

Capa oficial de Sea of Stars

Descrição do Jogo

Com o toque único do Estúdio Sabotage em todos os sistemas, Sea of Stars quer modernizar o RPG clássico em termos de combate por turnos, narrativa, exploração e interações com o ambiente, tudo isso enquanto ainda oferece uma fatia calorosa e nostálgica de diversão pura e simples.

Combates por Turno

Apertar o botão de ação em sincronia com as animações aumenta o dano contra os inimigos enquanto diminui o dano recebido. Junto de ataques cronometrados, o combate apresenta ataques combinados de vários personagens, reforços e um sistema estratégico de “travas” que oferece opções para jogar com diferentes tipos de dano para deter inimigos enquanto eles canalizam ataques ou feitiços poderosos, tudo em uma abordagem imersiva do gênero; sem encontros aleatórios, sem transições para campos de batalha separados e sem árduas repetições de tarefa e batalha.

Liberdade de Movimentação

Nade, escale, salte, pule ou suba em bordas enquanto você atravessa o mundo com um sistema de navegação baseado na experiência em plataformas que se liberta dos clássicos movimentos atrelados a blocos ou grades de cenário.

Iluminação Dinâmica

Nosso pipeline de renderização personalizado permite a criação de um mundo de tirar o fôlego que ganha vida ao ultrapassar os limites dos jogos de pixel art 2D.

Aventura Rica

Dezenas de personagens originais e arcos de história o levarão por uma jornada cativante. Às vezes épico, às vezes engraçado e outras vezes emocional, Sea of Stars cumpre seu dever de RPG de explorar temas clássicos de aventura e amizade, ao mesmo tempo em que está repleto de reviravoltas e eventos inesperados que são marcas de uma produção do time da Sabotage.

Ao seu Alcance

Há muitas maneiras de curtir o mundo de Sea of Stars se você sentir a necessidade de mudar o ritmo de suas aventuras. Velejar, cozinhar, pescar, parar em uma taverna para ouvir uma música ou jogar o infame jogo de tabuleiro conhecido como “Wheels”…cada sistema foi projetado para oferecer uma experiência que respeita os clássicos retrô, enquanto repensa algumas mecânicas para oferecer uma experiência suave e modernizada.

Data de Lançamento

Seed of Life foi lançado oficialmente em 29/08/2023, há 0 anos, 9 meses e 14 dias.

Disponibilidade

Seed of Life está disponível exclusivamente para PC através do Steam.

Requisitos de Sistema

Mínimos

  • SO: Windows 7, Windows 10
  • Processador: Intel Core 2 Duo E8600 or AMD Phenom II X4 945
  • Memória: 4 GB de RAM
  • Placa de vídeo: AMD Radeon R5 230 or Nvidia GeForce GT 520
  • DirectX: Versão 11
  • Armazenamento: 5 GB de espaço disponível

Recomendados

  • SO: Windows 7, Windows 10
  • Processador: AMD FX 4300 or Intel Core i3 2120
  • Memória: 8 GB de RAM
  • Placa de vídeo: AMD Radeon R5 340X or Nvidia GeForce GTS 450
  • DirectX: Versão 11
  • Armazenamento: 5 GB de espaço disponível

Avaliação do Jogo

Seed of Life R$ 47,49

Nome: Seed of Life

Descrição: Seed of Life é um épico jogo de aventura sobre a persistência da vida. Você é Cora, a última sobrevivente de Lumia, um planeta que está morrendo. Sua única esperança para salvar seu mundo é ativar a Semente da Vida para reacender o sol. Você será a luz que derrota a escuridão?

Estúdio: MadLight

  • Ambientação - 8/10
    8/10
  • Trilha Sonora - 9/10
    9/10
  • Jogabilidade - 5/10
    5/10
  • História - 7/10
    7/10
  • Gráficos - 7/10
    7/10
  • Desempenho - 6.5/10
    6.5/10
  • Fator Replay - 3/10
    3/10

Deixe sua Opinião

Vote você também no jogo escolhendo uma quantidade de estrelas logo abaixo! Dê a sua própria nota e contribua com a comunidade 🙂

Nota
6.5/10
6.5/10
0/10
Nota do Público
0/10 (0 votes)

Pontos Positivos

  • Ambientação
  • Iluminação
  • Imersão
  • Proposta interessante no enredo
  • Desafios divertidos

Pontos Negativos

  • Dublagem mecânica
  • Jogabilidade truncada
  • História curta e pouco explorada
  • Bugs na física
  • Repetitividade nos ambientes e desafios
  • Mundo vazio demais